8/01/2006

CAMPO DO ARTISTA III


Vejam só o cenário onde se vê o nosso famoso Campo do Artista já em sua fase decadente nos anos oitenta.
Ainda na sua fase romântica, algumas turmas ainda frequentavam esse campo: o pessoal da Casa do Estudante, a turma de Raimundo Anjo, os Gladiadores e os Invencíveis. As peladas eram acirradíssimas.
Conta o folclore que certa vez, quando o Circo Thiane instalou-se aqui em uma de suas últimas temporadas, Chico Lista, filho do nosso famoso Cícero Pintor (in memorian), preparava-se para varar o espetáculo. A sua idéia foi genial. Ele comprou umas três laranjas da banca de dona Lia e entrou direto. O porteiro ainda deu um psiu, autuou-o mas Chico Lista fora providencial:
- Ô xente, moço, eu só saí pra comprar essas laranjas, mas eu já paguei!
A idéia pegou e muita gente ainda conseguiu ainda enganar os porteiros. A liseira era grande. Não era fácil. Mas o que valia mesmo era o espírito de aventura daquele saudosos anos sessenta.

Nenhum comentário: