12/21/2013

RETRATOS II

Zequinha é o balula da foto
Certa vez, Chicolé ( grande craque do futebol florianense ), tinha apostado, para o final de semana, uma briga de galo com o seu Milad, evento este que tinha despertado o interesse dos torcedores do gênero.

A coincidência é que Zequinha Futuca, que brilhava no futebol amador local, combinara com a sua curriola, tomar uns grogues em sua residência.

Para tanto, faltava o principal: o tira-gosto. Resolvera, então, aproveitar-se do galo de seu Milad, que fez dele um delicioso capão na brasa. A diversão fora uma delícia, inclusive "as coxas" do frangão, comentaria, posteriormente, Zeca Futuca com os seus amigos.

A notícia chegara até seu Milad, que descobrira o autor de tamanha traquinice. O negócio é que haveria, naquele contexto romântico, uma jornada esportiva no estádio Mário bezerra, na qual Zequinha dava olé. Só que, por pura infelicidade, num choque com o zagueiro Antonio Guarda, Zequinha apanhou uma fratura pesada durante a partida.

- Leva logo pro seu Milad, não tem jeito! - argumentou o apitador Mário Mudo.

Chegando no consultório de seu Milad, que percebera aquela movimentação, indagara:

- Quem é o próximo?

A turma, numa total proteção e cuidados para com Zequinha Futuca naquele estado dolor, exaltou que o paciente era de extrema urgência:

- É o Zequinha Futuca, seu Milad!

Seu Milad, arguto que só, escutando o nome do paciente, logo providenciou todos os apetrechos do consultório para atender o jogador.

- Ah, Zequinha, então é você que que está com o braço inchado, hein? Mas, escuta, Zeca, tu comeu o meu galo, rapaz.

Zequinha, desconfiado, tentou enrolar: " não, doutor, num foi eu , não..."

-Ora, Zeca, eu já sei de tudo. Confessa. Tú já sentiu dor de mulher parindo, Futuca?

- Não, sim, Senhor!

Seu Milad apoiou o braço de Zequinha na mesa cirúrgica e tááááá´...! O corretivo fora dentro do contexto da sabedoria de seu Milad e, nesse dia, todos aprenderam a lição: " aqui se faz, aqui se paga. "


Nenhum comentário: