12/29/2015

Cori-Sabbá apresenta Mauro Neves como sucessor à presidência em 2016

Fonte: florianonews.com

José Bruno do Santos(Imagem:FlorianoNews)
José Bruno

Contagem regressiva para o final do ano e no caso de José Bruno seria também para deixar o cargo de presidente do Cori-Sabbá. Seria, porque até o momento, o dirigente que havia adiantado o fim do seu mandato em 31 de dezembro, teve uma mudança inesperada na linha sucessória do alvinegro.


Lauro Cronemberger afirmou que não reúne condições para assumir a diretoria do clube por motivos familiares, para o seu lugar foi escolhido Mauro Neves, ainda segundo o presidente José Bruno.

Se o nome do candidato a sucessão à presidência do Cori-Sabbá causou espanto na cidade de Floriano, a desconfiança inicial sobre o nome de Lauro Cronemberger se confirmou. Sem condições de assumir o time, ele se justificou.

- Fui convidado, sou fundador do Cori-Sabbá, mas tenho uma missão em Floriano chefiando outros grupos que me tomam tempo demais, então não tenho como administrar tudo. Afirmei ao José Bruno que não poderia assumir o Cori-Sabbá, até porque a minha família também me pediu. Não deixa de ser uma honra, mas eu preferi não aceitar o cargo – justificou.

A transição que era para ser feita com a virada de ano vai ter de esperar mais algum tempo, mas só da forma simbólica no Cori-Sabbá. Com a recusa de Lauro Cronemberger e o “sim” de Mauro Neves, ele começou a comandar algumas ações à frente do clube. O mandato de José Bruno continua até o mês de fevereiro.

- Ele vai ser o presidente. Vamos organizar o campeonato, só que ele já esta trabalhando conosco no sentido de fazer o orçamento, organização do clube. Está programado que meu mandato vai até o dia 28 de fevereiro – confirmou José Bruno.

Imagem: Gil Galvão CMCori-Sabbá retorna ao Campeonato Piauiense após um ano de licença e com fila de títulos de 20 anos

Nessa segunda a diretoria deve sentar com o novo presidente para mais acertos quanto a organização do clube para o estadual 2016. Nesse ano, o único título estadual do Cori-Sabbá completou 20 anos. A equipe volta ao estadual após pedir licença da competição alegando dificuldades para manter um elenco no estadual.

Nenhum comentário: