2/05/2015

RETRATOS

Colaboração: Professor Luís Paulo Lopes

EM 1938 o Sr. Afonso Nogueira, presentou seu filho Ataliba Nogueira, que ia contrair núpcias, com Celi Nogueira, com esse lindo palacete. O sobrado apresenta várias novidades para a época: o telhado muito inclinado, e o uso de telha francesa, que vinha de Parnaíba,PI. 

O recorte das águas do telhado, a utilização de jardineiras nas janelas, o óculo frontal, coberto por telhas. A construção é de dois pavimentos, recuada, com jardim frontal. Um mini-telhado cobre as janelas inferiores da fachada frontal e o uso de tábuas de empena (aqui feitas em massa). São alguns dos novos elementos usados na construção. É uma construção detalhista. 

O equilíbrio dos elementos construtivos é também relevante, dando um ar de imponência ao sobrado Na fachada principal dois terraços laterais são abertos por arcos. O superior, em arco pleno sustentado por duas baixas e grossas colunas, arredondadas, e com guarda-corpo de alvenaria vazada. O inferior, com um tipo de arco alteado. As esquadrias da parte inferior dessa fachada são de madeira com vidro. As vergas são retas e as bandeiras de vidro, repartidas. Essas janelas formam um conjunto triplex de janelas e é saliente e coberto por um min-itelhado. Uma janela de duas folhas, centrais, e duas de folha lateral. 

Uma grande jardineira foi incluída à soleira das janelas. As janelas superiores, também triplex, foram feitas de madeira e vidro, mas agora a janela do meio, com duas folhas, aparece com verga em arco pleno. As bandeiras são também de vidraça. A jardineira foi incluída e,como as duas janelas inferiores, é única para a janela triplex, estando sustentada por cachorros. Em cima das janelas, na parte superior, existe uma cornija de massa que cobre as vergas das janelas. Há ainda um grande óculo coberto de madeira (venezianas). 

(OBS.: Este texto foi extraído do livro ASPECTOS DA ARQUITETURA DE FLORIANO, de autoria de José Nunes Fernandes, editado em 1991, e que faz uma panorâmica da paisagem arquitetônica da cidade de Floriano, PI).

PRESENTEMENTE, essa bela casa pertence a empresária do Boticário, Maria das Graças Costa e Silva. Foi restaurada recentemente, para alegria de todos os florianenses que valorizam a preservação histórica e arquitetônica da cidade. Conhecer seu interior preservado é uma viagem, de volta ao passado.

Nenhum comentário: