1/17/2016

CONGRESSO DE FLORIANO

Março - 1964

Nos dias 28 e 29 de março de 1964, estudantes secundaristas, dirigentes de grêmios escolares estavam reunidos em Congresso da Classe na Câmara Municipal de Floriano, a 270 km de Teresina. À noite do dia 29 houve concentração na Praça doutor Sebastião Martins ( em frente à Igreja Matriz ), quando falaram jovens oradores, como Nicolau Waquim Neto, Carlos Cavalcante ( Secretário Geral da UNE ), Francisco Teixeira, José Soares de Albuquerque, principais líderes da época.

O Congresso deveria eleger a nova Diretoria da União Piauiense dos Estudantes Secundarios ( UPES ), então presidida por Ernani Moreira de Aquino, estudante do Ginásio Desembargador Antonio Costa ( Domício ). Mas a noite não terminou bem.

O prédio da Câmara foi cercado por soldados do Exército, a praça onde se realizava a concentração foi esvaziada e os principais líderes "convidados" a entrar nos caminhões que os conduziria a Teresina. Carlos Cavalcantei, Nicolau Waquim Neto, José Soares de Albuquerque e Francisco Teixeira tomaram outro destino, escapando da ação policial.

Os líderes estudantís que ainda permaneciam no prédio da Câmara foram detidos e encaminhados ao veículo. Herculano Moraes era Presidente do Grêmio Nilo Peçanha, da Escola Industrial de Teresina, e estava surgindo como líder da Classe juntamente com outros líderes, como Valério Chaves, do Colégio Municipal Eurípedes de Aguiar, José Reis, do mesmo colégio, Chico Viana, Juraci Leite de Carvalho, Rafael Medeiros e Albuquerque, Manoel Carvalho e outros foram "despejados" na praça Saraiva.

O golpe militar estava apenas começando.

Fonte: 
 
Livro Memória Histórica / 40 Anos de Resistência / Círculo Literário Piauiense ( CLIP ) - 1967 / 2007.

Nenhum comentário: