9/29/2014

AFES - ASSOCIAÇÃO FLORIANENSE DOS ESTUDANTES SECUNDÁRIOS

Colaboração: Nelson Oliveira

Sede própria da AFES

Colaboração. Nelson Oliveira

As iniciais acima é o nome da instituição que está citada nesta matéria, instituição da classe estudantil da nossa terra para, dentro dos limites da Lei, reinvindicava os direitos da classe, protestando com veemência com tudo aquilo que viesse em prejuízo da classe, que tinha como Líder Gessius Morais, - nos anos 40/50 - que depois de muitos anos de lutas à frente da Associação, mudou-se para Goiânia, onde fixou residência, terminando por entrar na política partidária, conseguindo eleger-se deputado estadual, reelegendo-se em vários pleitos.

A AFES daquele tempo, que teve a sua primeira sede instalada num pequeno compartimento de um prédio de prorpiedade do senhor Zuza Nunes, próximo à esquina com a então rua Miguel Rosa e que passou a ser denominada rua João Dantas, talvez em torno dos anos 60/70, abrigava no seu seio estudantes de várias faixas etárias, verdadeiros paladinos da classe, que militavam, em maior número, no Ginásio Santa Teresinha, estendendo-se, depois, pelo Ginásio Primeiro de Maio, fundado nos anos de 1950 e pelos demais subsequentemente, na defesa dos seus direitos.

A Associação, através da comissão de fiscalização que era mantida, era rigorosa com os estudantes locais de diversões, onde não era permitida a presença de menores, principalmente nos cinemas, quando os filmes eram censurados, nos bailes ( festas ) de adultos, no baixo meretrício etc., ou quaisquer outros locais prejudiciais à formação dos jovens que tinham suas presenças vedadas até nos bares comuns.

Ah, bons tempos  aqueles, onde eram formados os velhos de agora. No cinema só tinha ingresso aquele que estivesse de acordo com a censura; aquele que em qualquer local público se comportasse de modo desrespeitoso ou incoveniente era advertido educadamente por aqueles que desempenhavam as funções de polícia estudantil; em caso de reincidência os pais eram comunicados para as devidas providências junto ao estudante infrator sem que tal situação gerasse conflito posteriormente no relacionamento.

Que tempos, aqueles, hein? Hoje, infelizmente, os garotos ao invés de conduzir na mente matérias das aulas, na bolsa, além dos cadernos, levam uma arma branca ou revolver para matar o professor.

É preciso mudar tudo isso. Com urgência. Tudo isso acontecia, sem discussões entre os poderes constituídos, porque existia uma verdadeira Lei, que visava, antes de tudo, o bem estar da sociedade, não essas mixúrdias atuais, onde as autoridades maiores se rendem a caprichos de determinados setores da comunicação, permitindo que uma programação promíscua e imoral, como numa revista de circulação nacional.

Será que isso é o sinal dos tempos? Só Deus dirá

( 2012 ) em que os nossos meios de comunicação alardeiam que o Brasil é um País evoluído. Somos, sim,, campeões na prática de atos vergonhosos, rpincipalmente pelos nossos jovens, que poucos procuram ser úteis a nossa sociedade. Hoje o Brasil é um País que cresce, porém não tem gente que acompanhe essa evolução por falta de conhecimentos. Ou estou falando besteira?

 Naquele tempo, em qualquer tipo de diversão ( a TV era muito restrita ), a criança só tinha acesso de acordo com a idade permitida pelo próprio programa. Criança assistir qualquer programa, em tempos idos, nem pensar, mesmo porque a própria família tinha sob seu controle todos os passos dos filhos.

No lar do mais pobre ao mais rico, além do respeito, havia disciplina, obediência sem necessidade de agressões a criança, porque o rebento, ao nascer, já dever ser traçado o seu futuro para ser obediente, disciplinado, respeitador para com os seus superiores e não como se observa nos tempos atuais, quando a criança nasce recebe um celular, aos quatro, cinco anos, tem acesso a internet, através do seu próprio computador, sem qualquer tipo de censura. E aí vemos, diariamente, no nosso dia a dia, os desastres e as tragédias no seio das família.

Quem redigiu essas linhas foi, apesar de família pobre, foi criado dentro dos sagrados princípios da família dos bons tempos, onde toda decisão de qualquer tipo de situação era tomada pelo pai ou pela mãe de qualquer nível social, sem interferência de crianças, como a partir dos anos de 1981 para cá as crianças nascem e concomitantemente vão tomando o poder dos pais, que hoje ( em grande maioria ) ficam a vernacios. Atualmente, 2002 em diante grita que quer isso ou aquilo e os pais, até mesmo sem condições financeiras compram, individando-se e passar privações.

Depois de tudo isso, tenho saudades daqueles tempos, onde pais e mães eram símbolos do amor, da paz, da educação doméstica, da religião com respeito recíproco.

Que voltem os velhos tempos respaldados pelos bons costumes emanados da verdadeira família.

9/28/2014

Encerrados os festejos de São Cosme e São Damião e de São Vicente de Paulo


FlorianoNews(Imagem:FlorianoNews)

Floriano é uma cidade considerada com um grande número de pessoas religiosamente católias. A cada dia, moradores de bairros do município realizam festejos em comemoração de seus Santos Padroeiros.

No último sábado, 27, foi realizado o encerramento de dois festejos na cidade: um no bairro Manguinha, com encerramento das festividades alusivas a São Vicente de Paulo, e outro no bairro Catumbi, com o término dos festejos de São Cosme e São Damião.

Em ambos os festejos, as pessoas se fizeram presentes e agradeceram as graças e pedidos alcançados.


A comunidade do bairro Manguinha, em Floriano, encerrou na noite do último sábado, 27, os festejos em honra a São Vicente de Paulo.

No encerramento, a comunidade da Vila Vicentina participou de Missa Solene ao Padroeiro, seguida de procissão.

A festa foi iniciada no dia 18 de setembro, marcada pela presença especial da comunidade Vicentina, que a cada noite do novenário, teve sua maneira de celebrar, mas todos numa mesma fé, como igreja reunida em nome de Jesus Cristo pela intercessão de São Vicente de Paulo.

As comemorações em homenagem a São Cosme e São Damião foram encerradas na noite deste sábado, 27, no bairro Catumbi com muitas orações e também com a distribuição de bombons para as crianças.

Fonte: florianonews.com

9/22/2014

CRF-PI leva a Floriano a ação Farmacêutico na Praça




Esta semana, de 22 a 26, acontece em todo país ações pela Semana Nacional do Farmacêutico, que marca a celebração do Dia Internacional do Farmacêutico, dia 25. No Piauí, o Conselho Regional de Farmácia realiza ação social em Floriano, na quinta-feira, com o evento “Farmacêutico na Praça”.

Durante toda a manhã, farmacêuticos e acadêmicos de Farmácia, atenderão a população da cidade. Serão oferecidos os seguintes exames: aferição de pressão, índice glicêmico, ICM (índice de massa corpórea) e tipagem sanguínea, mas o objetivo principal é informar sobre o uso racional de medicamentos, o perigo da automedicação e a importância do farmacêutico no balcão da farmácia, para orientar e tirar dúvidas.

A Semana Nacional do Farmacêutico acontece logo após a aprovação da nova lei da Farmácia, que confirma o que já preconizava uma lei anterior, sobre a obrigatoriedade da presença do farmacêutico nas farmácias e drogarias. Dois mil e quatorze é também o ano em que as entidades farmacêuticas destacam a valorização dos profissionais da classe.

Para o secretário-geral do CRF-PI, Osvaldo Bonfim, a Semana Nacional do Farmacêutico, tendo seu ponto alto na quinta-feira, com o Dia Internacional do Farmacêutico, é um momento para evidenciar a importância de ter um profissional qualificado atendendo nas farmácias e drogarias, dispensando medicamentos em clínicas e hospitais, além de industrias e laboratórios. “A presença do farmacêutico é uma necessidade que a sociedade não pode mais ignorar. A população precisar ter assistência farmacêutica de qualidade e nós do CRF, estamos dia a dia lutando por essa primordialidade”, explica Bonfim.

O conselheiro do CRF, Raulino Firmino, explica a escolha da cidade de Floriano para realização do evento. “Como sempre fizemos ações informativas na capital, este ano preferimos levar o Conselho até o interior e Floriano é ideal. Pela quantidade de habitantes, já que é uma das maiores cidades do Estado, e também por ser a única fora de Teresina que oferece o curso de Farmácia”, revela Firmino. 


Att,
David Carvalho
Assessoria de Comunicação do CRF-PI
(86) 9935.5752 / 8168.9034
-----
Conselho Regional de Farmácia do Piauí
Rua Professor Nódgi Nogueira, 2193, Ininga - Teresina-PI
(86) 3222.8480 / 3226.2863
-----
Instagram: @crfpi

9/16/2014

RETRATOS

O nosso amigo Teodoro Sobral lembrou que numa entrevista com Alderico Guimarães, o Cine Natal foi inaugurado em 15 de junho de 1937 com toda pompa. O primeiro filme exibido foi - AMO TODAS AS MULHERES ( preto e branco ), de 1935, com o ator e cantor Jean Keapura numa produção germânica. Esse filme poderá ser visto no Youtube em nosso canal.

Nos primórdios das exibições cinematográficas de Floriano, foi exibido o filme - O BEIJO DA MORTE. Ainda era cinema mudo. O laboratório Bayer exibiu, na antiga praça 14 de Julho, nos anos de 1930. Cinema ao ar livre. Filmes com os personagens sendo seus produtos: aspirina, instantina e o senhor Tônico Bayer. Em 1932, o Polytheama foi arrendado por um alemão chamado Werner Tim, de teatro foi adaptado para sala de cinema. Esse foi o primeiro Politheama e da época de projeções em Floriano. Filmes alemães da Ufa, de Berlim. O primeiro filme projetado foi Zanzibar, nessa período e, posteriormente, os filmes Tutankamon, Mulher da Lua, baseados em contos de Júlio Verne.

Filmes que fizeram suceso de bilheteria no passado do Cine Natal: Como era verde omeu vale; A canção de Bernadete; Rebeca; A mulher inesquecívlel; Sangue e areia; O corcunda de Notre Dame; Por quem os sinos dobram; Cleópatra; Os melhores anos de nossa vida; E o vento levou...; Em cada coração um pecado; Luzes da ribalta; Farrapo humano; Jesebel; O bom pastor; Monsenhor Vicente; O máscaa de ferro; Marco Polo; Sissi; Casablanca; O dolar furado; Contos de Hoffman; A viúva alegre ( opereta ); Arroz amargo; Vindima Trágiva; A estrada; Cantando na chuva; O gordo e o magro; Cantinflas; Marcelino pão e vinho; Floradas na serra; Carnaval no fogo;

Um filme dessa filmografia que abalou Floriano foi CASABLANCA, pois vivia-se os horrores da guerra e foi exibido em 1943 na audição das 08:30 horas da noite.

Durante a apresentação de alguns filmes na época das projeções do cinema mudo, no início dos anos de 1930, havia uma orquestra tocando para fazer o fundo musical. Quem tocava naqueles momentos? João Dantas 9 clarinete ), Hercília Camarço ( piano ), Ranulfo Barros ( flauta) e Alcides Gomes ( violino ). Época chiquérrima! ( colaboração: Professor Luiz Paulo ).

TIBERÃO DE AÇO

O ex-prefeito de Floriano, José Bruno dos Santos do antigo MDB, segundo ele, tinha por norma não assistir comícios de seus adversários, para não escutar a baixaria contra suas idéias, de forma que, certa vez, fazendo uma visita à Ibiapaba, estava acontecendo uma concentração da antiga ARENA e o doutor Tibério Barbosa Nunes, o famoso Tiberão de Aço, se fazia presente.


Zé Bruno, então, percebera que o prefeito Tibério estava desferindo-lhe algumas farpas, que ouvia através de um sistema de som, dentre as quais, Tibério Nunes desferia suas críticas duríssimas contra a oposição:

"anda por aí um sujeito fantasiado de negro. Tenham cuidado com ele. Que negro é esse, meus senhores, que calça sapatos de veludo, usa gravata italiana, camisa poliéster, terno branco de linho S-120 e desfila no salões do famoso Comércio Esporte Clube, o clube mais grã-fino da região? Isso não é negro: é um verdadeiro enrolão. Negro é o nosso Sadica, um dos jogadores mais importantes do Ferroviário Atlético Clube, que com os seus dribles sensacionais marca os seus gols e levanta a nossa torcida. Daí a minha recomendação: vamos eleger Nazareno Araújo, deputado estadual, advogado brilhante, filho da terra, homem da sociedade."

No entanto, o velho Bruno surpreendera a todos, com o seu carisma, ganhando as eleições daquele período romântico da política florianense.

Fonte: Crônicas para a história / José Bruno dos Santos

9/15/2014

UM RESGATE DA MEMÓRIA DA CIDADE ( Post II )

DOS ANOS DE 1940 AOS ANOS DE 1970

UM RETRATO DAS RUAS DA CIDADE

Colaboração: Nelson Oliveira

Av. Getúlio Vargas, hoje
Naqueles tempos, ainda vem na minha memória, os nomes de dona Adalgisa, mulher do senhor Luiz Pinto, que foram morar em Goiânia; dona Maria Izaura Silva, irmã do senhor Pedro Carvalho; Ivan do Barão, Morais; José Rosado; Antonio Moreira Rosado; Antonio Luiz Ferreira da Silva e os mais recentes Davino José do Carmo; Cid Martins; João Sabino, que foi assassinado por um colega na sua sala de trabalho; senhor Zacarias e os mais recentes Pedro de Alcântara Neiva, Antonio Neiva, Maninho, Juscelino e Euvaldo José da Costa e Silva, dentre outros muitos.

No local onde está instalada a firma Antão Reis, concessionária da Wolkswagem, funcionava uma oficina mecânica, que tinha como proprietário o senhor João Luiz dos Santos, que logo mudou-se para o bairro Cancela e cujo local hoje parte integrante do Hotel Rio Parnaiba, empreendimento do Grupo Jorge Batista da Silva.

O casarão, em seguida, onde esteve os correios, antes de ocupar o seu prédio, pertenceu ao senhor Antenor de Oliveira e Silva, onde a partir de onde está um salão de beleza ( a Companhia da Beleza ) até a esquina onde era ocupada pelos correios, funcionou por alguns anos a agência do IAPC. que também chegou a usar as siglas INAMPS, INPS e hoje INSS, que logo ao ser adquirido pelo grupo Carvalho ( nosso grupo ) Zitinho, Afonso, Carlos, Fernando e João Antonio, mudou-se para a avenida Eurípedes de Aguiar, no outro casarão onde morou a família do senhor Agripino Castro, pai do Pedro Gaudêncio de Castro ( chamado também carinhosamente de Pedro Galinha, porque ele gostava de criar galo para promover brigas ) e que hoje mora em Recife.

Finalmente, depois de inúmeras reformar num prédio onde era instalada a Usina Itaueira, de beneficiamento de algodão, doada pelo governo alemão ao nosso município, graças a influência do senhor João Viana de Carvalho ( o Juca Carvalho ) num mandato, se não me falha a memória, num mandato do prefeito Teodoro Ferreira Sobral. Hoje, o INSS está na sua própria casa, depois das desobrigas acima citadas.

Agora, falaremos da já citada avenida, detalhando o seu lado esquerdo. Bem ao pé da ponta já citada, havia um casarão de propriedade do senhor Manoel Alves de Almeida, onde era processada a produção de cera de carnaúba do referido cidadão, que ao longo dos anos sofreu modificações com o surgimento de alguns pontos comerciais, um dos quais, por vários anos foi ocupado pelo senhor Guilherme Ramalho, com uma loja de confecções; o outro, foi ocupado por outras pessoas, cujos nomes não me recordo.

Em seguida, havia um terreno vago, onde por algum tempo funcionou uma oficina mecânica e pintura de veículos de propriedade de Domingos de Lalú e que infelizmente pouco durou em virtude de um acidente ali ocorrido, quando, sem saber das causas, um automóvel Corcel de propriedade do senhor Calixtinha foi destruído pelo fogo, com perda total.

Logo adiante, existia um cômodo onde por algum tempo funcionou uma loja especializada na venda de material elétrico e onde hoje está edificado o Laboratório Adala Attem de propriedade da doutora Carmélia, filha do senhor Manoel Almeida e esposa do professor Antonio Reis Neto.

( Aguardem o Post III ).

9/13/2014

Arruda desiste de candidatura ao GDF e Jofran Frejat o substitui

Jofran Frejat

A esposa do ex-governador, Flávia Arruda, fecha a chapa como vice.

Após a derrota no Tribunal Superior Eleitoral e da forte pressão de aliados, o candidato José Roberto Arruda (PR) desistiu de disputar as eleições para o governo do Distrito Federal. Em seu lugar assume o vice da chapa, Jofran Frejat (foto).

A mulher do ex-governador, Flávia Peres, entra como vice. O anúncio oficial deverá ser feito ainda neste sábado.

Apesar de resistir à renúncia, o ex-governador foi convencido por aliados próximos que essa seria a melhor decisão a ser tomada. Isso porque havia uma preocupação de que o seu nome permanecesse na chapa até segunda-feira, data com a qual o TSE vem trabalhando como prazo máximo de substituição de nomes. (Correio Braziliense).

JOFRAN FREJAT

Jofran Frejat (Florianense, nascido em 19 de maio de 1937) é um médico e político brasileiro que foi deputado federal pelo Distrito Federal.

Biografia:

Filho de João Frejat e Adélia Frejat. Casado com Denise Nunes Martins Frejat. Formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1962, mesmo ano que se mudou para Brasília onde trabalhou no Hospital Regional da Asa Sul.

Pós-graduado pela Universidade de Londres em 1972 é titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, da Sociedade Brasileira de Mastologia e do Colégio Internacional de Cirurgiões.

Diretor do Instituto Médico Legal do Distrito Federal (1973-1979) nos governos Hélio Prates da Silveira e Elmo Serejo Farias, foi Secretário de Saúde no governo Aimé Lamaison e posteriormente secretário-geral do Ministério da Previdência Social além de ocupar uma cadeira no conselho diretor da Fundação Hospitalar do Distrito Federal. (Wikipedia).

EM TEMPO:

Recentemente, Jofran Frejat foi homenageado na publicação coleção FLORIANENSES, Volume 3, livro editado pela Fundação Floriano Club.

Floriano Shopping é lançado em solenidade oficial


Floriano Shopping é lançado em solenidade oficial.(Imagem:FlorianoNews)

Aconteceu na noite da última sexta-feira (12), no salão de eventos do Hotel Rio Parnaíba, o lançamento oficial do projeto arquitetônico do Floriano Shopping.

O Shopping segue o modelo do Riverside Shopping de Teresina, o centro de compras  de maior sucesso da capital, onde o empreendedor compra a loja e passa a ser dono do imóvel ganhando duas vezes, uma com seu negócio e a outra com a valorização do seu imóvel.

 O Floriano Shopping será sem dúvida o maior centro de compras da região, com muito entretenimento e lazer em um espaço seguro e completo para a diversão da família Florianense e para os mais de 25 municípios da região que a cidade atende.

O Shopping terá espaços para lojas âncoras, 80 lojas satélites, praça de alimentação com 12 lojas, praça de eventos, espaços destinado para cinemas, mais de 800 vagas de estacionamento e tudo aquilo que os melhores shoppings do Brasil oferecem.


Na melhor localização da cidade, com grande valorização imobiliária: na BR-343 (trecho Floriano-PI a Jerumenha-PI), no bairro Rede Nova, ao lado da UESPI, UFPI, IFPI, Caiçara Clube e próximo da AABB e do Parque de Exposição. Dispondo de uma área de 39.120,06 m².

O Floriano Shopping é um empreendimento da Construtora Estrela da Manhã, com mais de 28 anos no mercado da construção civil, com sede em Teresina. A construtora tem obras em Floriano e outras cidades do Piauí, e continua a ampliar seu raio de ação, a exemplo de empreendimentos de sucesso na capital e em outros grandes municípios. Já foram construídas mais de 6 mil unidades no Piauí.

Toda a infraestrutura é a marca do desenvolvimento que só uma construtora como a Estrela da Manhã é capaz de fazer com toda sua experiência de quase 30 anos no mercado, mais de 6 mil unidades habitacionais entregues e trabalhos realizados em todo o Piauí.

O Floriano Shopping é futuro e desenvolvimento virando realidade na Princesa do Sul. ( Fonte: florianonews.com ).

PREFEITO GILBERTO JÚNIOR SE REÚNE COM A IMPRENSA LOCAL

A Prefeitura Municipal de Floriano, através do Prefeito Gilberto Júnior, realizou um jantar em uma churrascaria do município, na noite da última quinta-feira (11), para se confraternizar com a imprensa florianense, que atua em rádios, Tv’s, jornais e portais de notícias.

O evento reuniu  dezenas de profissionais de comunicação, que se confraternizaram com os companheiros de trabalho que atuam diariamente nos meios de comunicações da cidade.


O encontro, bastante agradável, o Prefeito Gilberto Júnior destacou a importância da confraternização, bem como a qualidade dos profissionais de comunicação existentes na cidade de Floriano.

"Esse encontro pela passagem do dia da imprensa não poderia passar em branco, principalmente na cidade de Floriano, que tem os diversos meio de comunicação que são bastante importantes e fazem parte do cotidiano. Temos rádios, TV, portais, carros de som, com muitas pessoas envolvidas e que merecem essa atenção especial. É mais que uma obrigação de estar fazendo um momento especial de interação, de conversa, onde as pessoas possam estar dialogando a importância de fazer parte da mídia e da imprensa de modo geral. Agradeço e parabenizo a todos pela grande participação e desejo que cada vez mais tenhamos sucesso na imprensa de Floriano",
disse Gilberto Júnior. ( Fonte: florianonews.com )

Espaço Cultura Maria Bonita está em reforma


O Espaço Cultual Maria Bonita é um dos pontos turísticos da cidade de Floriano. Nele são apresentados e realizados diversos encontros artísticos. Porém, o espaço está passando por uma reforma e os artistas florianenses e os grupos artísticos que vêm de fora não estão tendo um local para fazerem suas apresentações.

Eles reclamam que há muito tempo a reforma foi iniciada e que sem esse local, fica quase inviável fazerem apresentações em locai s inapropriados.

Um dos espetáculos que vêm a Floriano anualmente é o projeto Palco Giratório do SESC, e desta vez não está encontrando locais adequados para fazerem suas atividades artísticas.
Espera-se que o problema seja resolvido logo o término das eleições.

Origem do Espaço Cultural Maria Bonita:

A antiga Usina Maria Bonita deu lugar ao Espaço Cultural adotando o mesmo nome, tendo peças históricas e teatro. O prédio da 1º Escola Agrícola do Brasil transformou-se no Terminal Turístico Beira Rio, que abriga o Escritório de Informações onde funciona a Regional Centro -Sul da Empresa de Turismo do Piauí - PIEMTUR, restaurante bar, sorveteria e espaço para apresentações culturais.

O prédio está localizado na Avenida Esmaragdo de Freitas, 243, Centro, Floriano - PI. ( Fonte: florianonews.com )

9/12/2014

FESTEJOS DE NOSSA SENHORA DA GUIA


Tiveram início na manhã de hoje, quinta-feira, 11 de setembro, os festejos do bairro Nossa Senhora da Guia, em Floriano, que tem como tema este ano “Mãe, cheia de graça, doadora do tesouro das bênçãos do céu.”.

A abertura aconteceu nesta manhã, 11, com a Alvorada sendo feita pela Banda Municipal de Floriano, e em seguida foi servido um café da manhã para os fieis.

Durante os festejos, todas as noites às 17h30, haverá celebração de missas realizadas pelos párocos das igrejas florianenses, e os batizados serão feitos no domingo, dia 14, às 9h00 da manhã.

A procissão de encerramento acontecerá dia 20 de setembro, às 17h30, e sairá do Trevo Da Alvorada em direção à Igreja.

Nos dias 18, 19 e 20 haverá Missa Campal. A comunidade pode participar também dos leilões que serão feitos nos mesmos dias.

Fonte: florianonews.com

9/09/2014

UM RETRATO DAS RUAS DA CIDADE ( Post I )

( Dos anos de 1940 aos anos de  1970 )

Colaboração: Nelson Oliveira

Visão da praça matriz

Pelo que se sabe, Floriano surgiu onde hoje é a praça doutor Sebastião Martins de Araújo costa ( Médico humanitário que, durante sua vida, dedicou-se de corpo e alma ao desempenho de sua laboriosa profissão, principalmente na ajuda às pessoas mais humildes, que o transformou num verdadeiro mito ), estendendo-se pela atual rua São Pedro ( homenagem ao Padroeiro da cidade São Pedro de Alcântara ), parte da hoje avenida eurípedes de Aguiar, que antigamente chamava-se, salvo engano, a rua Jerumenha, desembocando onde hoje está situada a praça coronel Borges, primitivamente chamada de Praça do Mercado, porque ali se edificou o antigo Mercado Público da cidade e onde atualmente está instalado o edifício do Poder legislativo Municipal, construído na gestão do prefeito Adelmar Pereira, chegando até a ponte dos Correios, que era de madeira e substituída por uma de cimento, construída pelo prefeito Francisco Antão Reis ( Chico Reis ), se não me falha a memória no início da então avenida Álvaro Mendes, hoje denominada Getúlio Vargas, desde os anos de 1940 em homenagem ao Caudilho gaúcho, que suicidou-se em 1954 no desempenho de mais um mandato como Presidente da República do Brasil.

O doutor Sebastião Martins de Araújo Costa, que teve o seu nome dado à praça matriz, ponto inicial do nascimento da nossa cidade, foi o seu prefeito municipal nos anos de 1950.

Esse nosso despretensioso trabalho, que conta a história das ruas que foram as primeiras da cidade, como acima citamos, certamente algum ponto não consta deste conteúdo e isso é justificável, porque nada o que aqui está dito teve qualquer tipo de anotações anteriores e sim somente as lembranças do passado do seu autor.

Assim, a primeira rua escolhida foi a antiga avenida Álvaro Mendes, que passou a chamar-se avenida Getúlio Vargas nos anos de 1940, estendendo-se da ponte próxima aos coreios, já citada aqui, até à rua Silva Jardim no seu lado direito.

Vejamos, então: aquela ponte que ali está, o marco inicial desse nosso humilde trabalho, dá passagem sobre o "riacho do Gato" e na sua margem esquerda existia uma ruela que levava as pessoas até à rua do Caracol, hoje denominada Bento Leão.

Nesse espaço, que marcava o início daquela ruela, era um local de venda de carvão, material usado, como a lenha para cozinhar alimentos nas residências.

Nos anos de 1960 o terreno a partir dali foi adquirido pelo senhor Pedro Rodrigues Barbosa, mais conhecido como Pedrosa, construiu o prédio para o seu comércio que aí está, ainda hoje, como o fundo chegando até a rua Bento Leão, cuja construção ocorreu numa das gestões do senhor Manoel Simplício.

Não passou muito tempo, um pouco antes, os correios, que pertencia ao DCT ( Departamento dos Correios e Telégrafos ), deu início a construção do local para sua agência na cidade com um tipo de edificação padrão em todo o nosso Estado e que ao longo dos anos vêm sofrendo constantes reformar e que já pouco resta do primeiro prédio.

Antes, a referida organização se instalou, primeiramente, talvez nos anos de 1930, porque em 1934 foi inaugurada aqui a linha aérea do CAN ( Correio Aéreo Nacional ), com a vinda do avião, naquele ano, que pousou numcampinho que havia ali no bairro Taboca, dia que ficou marcado na história da cidade, conforme conta o professor Djalma Silva, dia em que todo o comércio fechou suas portas, para que o povo assistisse tal acontecimento comemorado com um festival de foguetes.

A primeira agência funcionou numa casa, que ainda hoje existe ali na rua Bento Leão, esquina com a rua Alfredo Estrela, ao lado da casa onde funcionou por muitos tempos a Tipografia Attem. Dali mudou-se depois de muitos anos para a avenida Getúlio Vargas, esquna com a rua Silva Jardim, onde funciounou o atacado do Armazém Triunfo, que hoje abriga uma empresa denominada JR Variedades e ali permaneceu até ocupar a sua nova casa.

( Aguardem o Post II )

9/07/2014

RETRATOS

Cena do desfile de sete de setembro, ainda nos anos sessenta, na altura do Ginásio Primeiro de Maio.

Havia uma postura mística e romântica nos desfiles do passado. Hoje, as alegorias e o visual moderno tomam de conta da avenida.

Quem suava bastante a camisa naquele tempo era o professor Ribamar Leal, conduzindo sua escola com muita tenacidade.

De qualquer forma, a tradição permance e, hoje, teremos mais um belo desfile na avenida Getúlio Vargas.

9/05/2014

Sescoop promove ação social com serviços gratuitos para a população

O Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) promove no sábado (6) em Teresina o Dia “C”. Uma ação social que promete levar serviços e muita diversão, de graça, para toda a família. O Dia “C” é o Dia de Cooperar.

A população contará com diversos serviços gratuitos de saúde, beleza, educação, cidadania, meio ambiente, valorização do cooperativismo e bem-estar social. O evento será realizado a partis das 16h no Parque Potycabana, na Zona Leste de Teresina.

Segundo Roberto Guerrero, Assessor especial do Sescoop, a proposta do evento é transformar ações isoladas, realizadas por centenas de cooperativas em todo o Brasil, em um grande movimento de solidariedade. “De Norte a Sul do Brasil, as cooperativas já realizam diversas atividades voluntárias e no dia 6 de setembro uma grande comemoração vai unir todas elas. A projeção é beneficiar 1,4 milhão de pessoas de 1.060 municípios e reunir cerca de 200 mil voluntários em todo o país”, explicou o assessor.

O evento ainda vai contar com apresentações de teatro, danças, músicas, contação de história, pinturas de rosto e muitas outras brincadeiras para as crianças. Ações de reflorestamento, doações de frutas também serão ações promovidas pelo evento. O encerramento será com um grande show de humor do Dirceu Andrade.

Ainda de acordo com o assessor, as pessoas que quiserem fazer parte do evento e contribuir de alguma forma pode procurar o Sescoop. “É a oportunidades de juntarmos voluntários de todos os locais. Para quem sempre teve vontade de ajudar essa é uma grande oportunidade e pode procurar o Sescoop que tem vaga para todo mundo, lembrando que é tudo de graça”, disse Roberto. ( Fonte: G1 PI )