7/27/2012

Floriano e mais 4 cidades tem pior geração de empregos no mês de junho no Piauí

Floriano, Pedro II, Piripiri, Barras e Esperantina, completam a lista dos municípios com mais de 30 mil habitantes no Piauí, que obtiveram saldo negativo na evolução de empregos formais no Estado. A constatação é segundo o Cadastro Geral do Emprego (CAGED), do Ministério do Trabalho e Emprego do Governo Federal.

União, levou o 1º lugar em geração de empregos com 983 empregos formais. Segundo os dados, a cidade de Campo Maior, é a quinta do Piauí em saldo de empregos formais do Estado no mês de junho. Picos obteve apenas 12 empregados de saldo e José de Freitas ficou apenas com 10.

O 2º lugar fica com Teresina, que saldou 278 vagas. Ficando em 3º lugar ficou Oeiras com 37 pessoas empregadas formalmente e a cidade de Altos ficou na 4ª posição somando 31 empregos de carteira assinada. Campo Maior teve um saldo de 16 vagas de empregos firmadas no mês de junho.

Campo Maior cresceu uma posição com relação aos outros relatórios de evolução de empregos formais no Piauí, passando de 6º para 5º lugar e a tendência que o município melhore o desempenho ainda mais, uma vez que há uma exepectativa de que o saldo de empregos formais tenha uma evolução ainda mais positiva com a contratação de trabalhadores de carteira assinada nas obras do IFPI e também na drenagem do Rio Surubim.

Rayldo Pereiracom informações da APPM

Nenhum comentário: