5/29/2010

OFICINAS DE CINEMA EM FLORIANO

Começou NESTA ÚLTIMA segunda-feira (24), em Floriano, oficina de capacitação para 20 entidades da sociedade civil contempladas no último edital do Cine Mais Cultura. No Piauí, 40 entidades foram classificadas pelo edital e vão receber o kit de projeção que será distribuído pelo Ministério da Cultura (MinC) em parceria com a Fundação Cultural do Piauí (FUNDAC).

A oficina de capacitação a ser ministrada em Floriano é direcionada aos municípios do sul do estado e realiza-se de 24 a 29 de maio. Cleidiane Araújo, produtora da oficina, falou que a capacitação está saindo melhor do que o esperado. “A participação está muito forte, mesmo a maioria sendo cineclubista de primeira viagem.” E completa, “Eles são muito curiosos e estão impressionados com o fato da exibição de um filme poder transformar as pessoas”, disse Cleidiane.

A oficina acontece durante toda esta semana e consta de uma carga horária de 40 horas. A capacitação funciona, na verdade, como um curso intensivo sobre a história do cinema, técnicas de projeção, noções de direitos autorais e vários outros temas relacionados à sétima arte. Marlene dos Santos Costa de São Raimundo Nonato e Maria Valdênia de Parnaíba são as duas oficineiras responsáveis por ministrar o conteúdo programático.

As outras 20 entidades da sociedade civil do Piauí contempladas pelo edital do Cine Mais Cultura também farão a capacitação que será realizada em Teresina, de 7 a 12 de junho.

Acompanharam as primeiras atividades desenvolvidas durante a oficina, o coordenador do Programa Mais Cultura no Piauí e assessor técnico da FUNDAC, Jairo Araújo e o representante do Ministério da Cultura, Rodrigo Bouillet.

Jairo lembra que os municípios piauienses que não foram contemplados com este edital do Cine Mais Cultura poderão, após a conclusão do processo de implantação destes 40 novos cineclubes do Piauí, participar de novo edital que selecionará 60 propostas para sala de cinema.

Perguntado sobre as sugestões que poderiam ser dadas para quem deseja ter em sua cidade uma sala de cinema, Rodrigo Bouillet, dá a dica: “basta ter vontade, um projeto e filmes”. Segundo o coordenador de Rede do MinC, existem várias ações governamentais, entre elas os Editais do Cine Mais Cultura e Pontos de Cultura, que estimulam quem deseja começar um cineclube em sua comunidade. Essas estruturas possibilitam a montagem de salas de cinema, mas Rodrigo avisa, é essencial a “mobilização das pessoas e instituições do município”, afirma o coordenador.

A oficina de capacitação acontece de 24 a 29 de maio, das 9 às 12, no Hotel Rio Parnaíba que fica na Av. Dr. José Ribamar Pacheco, 156, Cancela, cidade de Floriano.

Sobre o Cine Mais Cultura
Para quem não conhece, o Cine Mais Cultura é uma ação do Ministério da Cultura – MinC desenvolvida em parceira com o Governo do Estado, através da Fundação Cultural do Piauí – FUNDAC e que tem como objetivo principal a democratização do acesso às salas de cinema no território nacional, além do estímulo à exibição de filmes brasileiros.

O kit de projeção que as entidades vão receber após a realização das oficinas é composto por um telão (4mx3m), aparelho de DVD player, projetor digital, mesa de som de quatro canais, quatro caixas de som, amplificador, dois microfones sem fio dentre outros equipamentos.

Além do equipamento propriamente dito, as propostas que foram contempladas poderão escolher um conjunto de até 104 DVDs de obras brasileiras do catálogo da Programadora Brasil (filmes de ficção, documentário e animação em curta, média e longa metragens de todas as épocas, para todos os públicos). O acervo completo reúne cerca de 500 obras organizadas em 154 programas (DVDs).

Fonte: Portal AZ

Nenhum comentário: