11/02/2009

DEBATE PARA REITOR DA UESPI EM FLORIANO


Os candidatos a reitor da Universidade Estadual do Piauí participaram na sexta-feira, 30, no auditório do Campus da UESPI Dra. Josefina Demes em Floriano de um debate que envolveu professores e alunos do órgão de ensino. A professora Ana Maria, diretora do Campus, disse que esse encontro de educadores que almejam administrar o órgão no estado, serviu para entrega do auditório que passou por uma reforma geral.
Foi o primeiro evento realizado no auditório, após o investimento.

Um dos candidatos, o professor Eurípedes Soares disse que está preparado e tem certeza que em janeiro estará assumindo a reitoria para dar uma nova estrutura e uma mudança completa no Campus de Floriano. Entre os seus projetos, está o melhoramento da biblioteca, criar uma clínica escola e um ginásio para atletismo, além da construção de uma piscina que possa proporcionar aos educadores físicos mais facilidades nas atividades.

O Élio Ferreira que está em campanha para chegar à reitoria disse que o debate teve um bom nível. O professor está acreditando em uma boa votação no Campus local, por ser o único dos quatro que é florianense. Uma das suas propostas de campanha, afirmou, é a valorização dos profissionais que atuam no órgão em todo estado, mais atenção aos estudantes e não esqueceu de falar na implantação de uma nova biblioteca, e procurar meios de investir num laboratório mais avançado, quadra de esportes e piscina. O florianense quer aproximar os jovens carentes da universidade com programas sociais, que possam beneficiar centenas de menores como exemplo: jogos por meios de escolinhas de futebol, capoeira e natação.

O professor Carlos Alberto disse que a universidade está hoje com muitos problemas e que pretende revolvê-los, se chegar e reitoria. O educador prega que o estado deva ter campus democráticos com gestão que siga o mesmo direcionamento, quanto à democracia. O fogo da sua campanha, enfatizou, “está voltado a um compromisso com sociedade universitária e com a participação de todos”. O resgate da dignidade estudantil foi colocado pelo candidato como principal meta de campanha.

Já professora Valéria Madeira, atual gestora, disse que esse momento é de avaliação da sua gestão em termo de indicadores educacionais. Colocou, que algumas das reivindicações feitas pelos participantes durante o debate, estarão sendo colocadas como propostas de campanha e devem ser colocadas em prática na sua próxima gestão. A candidata a reeleição, disse que muito tem ainda a ser feito como reitora e externou que o investimento feito no auditório do Campus dra. Josefina Demes em Floriano faz parte das melhorias da sua administração. Quanto à biblioteca, disse que livros devem estar chegando em breve, como também, projetos de ampliação da mesma, climatização das salas de aulas, parte esportiva para alunos de educação física e um laboratório de biologia. Esses, são projetos que estão elaborados, finalizou.
( Fonte: www.piauinoticias.com )

Nenhum comentário: