11/16/2008

CAIS DO PORTO


Ah, estamos, sim, com muitas saudades desse cais, palco de acontecimentos emocionantes e de carnavais inesquecíveis.

Tudo passa, tudo muda, mas há sempre um pedaço de nós guardado em algum canto dessas beiras do Parnaiba.

Precisamos saber adorar e preservar, cultuar os bons momentos, proporcionarmos um estado de graça e de poesia, para que todos possam se sentir felizes.

Que cada um possa contribuir, fazer a sua parte, que os subsídios serão em dobro para todos aqueles que amam a nossa Princesa.

Nenhum comentário: