9/15/2008

RETRATOS



Ah, que saudades que tenho das esquinas de Floriano, da Mascote e da Rosa de Ouro, onde corríamos por ali sem nenhuma preocupação com tempo.

As Casas Pernambucanas eram uma das lojas mais procuradas e a vida transcorria simplesmente em suas lambretas e em suas bicicletas de marca guliver.

Fotografias que nos transportam para um tempo bom, que outrora a vida era mais romântica; os vícios eram outros: cinema, tertúlias, futebol de primeira no campo do Ferroviário.

Delícias, que hoje vamos relembrando, mas tentando suportar e segurar as novas ondas, as novas esquinas e os novos carnavais em seus sons ensurdecedores, no seu consumo de suas novas atitudes mais libertárias.

Nenhum comentário: