8/31/2007

CAMPO DOS ARTISTAS


Vejam só como a especulação imobiliária tomou de conta de nossas antigas praças esportivas; necessariamente, isso um dia teria que acontecer, lamentavelmente. Fazer o quê?

Olha só o que sobrou do velho campo dos artistas: só há uma esquina sobrando, onde se vê, ainda, o velho cajueiro imponente, que está conseguindo se segurar e ficar de pé. Até quando?

Lembramos, então, dos antigos torneios de amadores que se disputavam aí e dos circos de arena que se instalavam nos anos sessenta; dos folguedos de primeiro de maio e dos gols que fazíamos por lá.

Seria de suma importância, a propósito, a revitalização desses arredores, na construção de áreas esportivas e culturais para a juventude local. É o que deve fazer a sociedade com a formação de parcerias e ou outras iniciativas. Temos que dar o exemplonovamente como demos no passado, certo?

Foto: Agamenon Pedrosa

Um comentário:

Graça disse...

Nossa olhando as fotos que saudades!