7/13/2007

PÔR DA SAUDADE



Estamos sempre procurando resgatar momentos inesquecíveis. O pôr-do-sol do cais do porto, este nos deixa de alma lavada. Contemplar esses momentos épicos nos faz transmitir um sentimento lírico, que agrada o ego.

A época romântica passou e, de repente, nos deparamos com uma nova realidade de consumo: a postura, agora, é outra; de qualquer forma, precisamos sempre acreditar no futuro. Floriano poderá ainda reinar bons momentos.

As autoridades competentes precisam movimentar-se mais, proporcionar aos visitantes e ao nosso povo uma Floriano bem mais limpa, movimentar a cultura e o esporte. As escolas precisam de mais educação esportiva.

Precisamos voltar a saber a matar uma bola no peito e fazer os gols de placa, que fazíamos no campo dos artistas!

3 comentários:

Umbelina disse...

Boa noite. Que bom que você deseja colaborar com a história de Floriano.
Fico aguardando suas matérias, quando você quiser postar no Acervo.
Ah, fiz um link do meu blog para o seu e vou fazer um para o Acervo quando eu for fazer manutenção, é que estes dias tou correndo com muito trabalho da faculdade para corrigir, e é porque "tou de férias", hehehe

Anônimo disse...

Sou florianense e hoje moro em Teresina para a conclusão dos meus estudos. Sempre visito sites e blogs que intensificam o resgate da cultura da nossa cidade, descobrindo o seu através do blog da Umbelina Marçal Gadelha, grande amiga. Parabéns por esse espaço glorioso voltado para o resgate de uma cultura tão rica como era a nossa. Forte abraço.
CASSIO JOSE RODRIGUES LEAL.

Umbelina disse...

Já vi que Cassio andou por aqui> Beleza
Postando arte florianense, confira.
http://www.flogao.com.br/
http://umbelarte.blogspot.com/
Um abraço