3/15/2007

FLORIANO - 2007


Na manhã de domingo de carnaval, rondando os contornos da matriz, conseguimos apanhar essa bela imagem do casarão dos Demes.

O tempo meio dublado exaltava em mim uma sensação saudosista, onde tentávamos resgatar o que restou de nossos prédios antigos, que aos poucos estão trocando de roupa.

Prédios e edifícios novos estão se erguendo em torno de nosso centro, as praças já não são mais as mesmas e os arvoresdos estão pedindo "pinico".

O calçadão da São Pedro mostra essa realidade pura de esvaziamento e o seu movimento mórbido exibe uma rotina melancólica e sem brilho.

Precisamos voltar a amar a Princesa e buscar medidas alternativas para avançar em sua revitalização.

Será que ainda dá tempo?

Nenhum comentário: