2/15/2007

BLOCOS ALTERNATIVOS


O AMANTE DAS ARTES, ÁGUIAS, BAIANAS E BAMBAS DA FOLIA

Em meados dos anos 30, possivelmente em 1935, surgiu um bloco de rua famoso - O AMANTE DAS ARTES, criado por inspiração de José Dutra, grande incentivador da arte musical em Floriano e por ele dirigido. Desfilou por dois anos consecutivos, percorrendo as residências mais importantes da cidade, brincando com muita harmonia e animação. Durante a sua trajetória usou fantasias de PIERROT, calças e blusas vermelhas no primeiro ano e calças brancas e blusas pretas no ano seguinte.

A porta-estandarte era a jovem Tintô Paixão. Para registro, citamos aqui os nomes dos demais integrantes do bloco e os instrumentos musicais que tocavam.José Dutra, flautas; João Dantas, violino; Arudá Bucar ( grande comerciante ), flauta; Maestro EuGênio Pereira, trombone; Nestor Coelho, saxofone; Sebastião Araújo, contrabaixo; *João de Deus Alves, piston; Zezinho Rocha, saxofone; Francisco Paixão ( pai da Tinto ), violão; José Cairara, banjo; Otacílio Paixão, violão; Antonio de Passos Freitas, cavaquinho; Odali Paixão, cavaquinho; Genésio, cavaquinho; Michel Demes, maracá; Olívio Paixão, pandeiro; Francisco Dantas, pandeiro.

Com a fundação do Floriano Clube, o carnaval passou a se restringir mais a ele, o da elite, pois o dos operários, continuou na União Artística. Todavia, blocos de rua ainda marcavam sua presença na cidade.Rafael Rocha, em sua crônica – Reminiscência, publicada no Jornal de Floriano, n.º 367, fala do “Águias” das “Baianas” do Arudá Bucar. E Luiz Pinto de Oliveira, memória viva da cidade, fizeram-nos recordar do “Bambas da Folia” que ele e outros elementos da União fizeram por muitos anos.

A foto acima é o Clube do Rum - um dos blocos mais criativos que surgiu nos carnavais da princesa / Fonte:
www.florianoemdia.com

Nenhum comentário: